mauri limaGoiano Mauri Lima conversando com Tite (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

Há seis anos, o então técnico do Corinthians, Tite, e o preparador de goleiro, Mauri Lima, conversavam sobre o escolhido a assumir a titularidade da meta alvinegra. A conversa era a substituição de Júlio César, que vivia má fase, e a busca por um novo titular. Danilo Fernandes era o reserva imediato, mas em um diálogo inusitado Cássio ganhou a posição.

“Tinha um jogo entre o Emelec na quarta-feira a noite no Equador, o Tite me chamou e falou ‘Mauri, a gente precisa ver o que fazer, estou preocupado com Júlio, é da casa, tem o Danilo Fernandes também, que é da casa’ e eu falei ‘Não, bota o Cássio para jogar’ ele me falou ‘Você está louco?’, eu respondi ‘Bota o Cássio!’. Ele disse ‘Então me convença’. Eu passei todas as coordenadas para ele e no outro dia de manhã ele me falou que ia o Cássio”.

Ouça a entrevista na íntegra:

logo-sagres

Rua Monsenhor Celso, Quadra Área, Lote 2, s/n - Vila Santa, Aparecida de Goiânia - GO, 74912-590
Telefone: (62) 3216.0730

© Copyright 2006-2018 Sistema Sagres Cerrado de Comunicação