Sagres A Caminho da Copa

Foto: Reprodução
karmino colombini2
A derrota para a rival Anapolina por 1 a 0 no clássico deste domingo (28) foi o estopim para a demissão do técnico Karmino Colombini. O ex-treinador comandou o Anápolis em quatro partidas no Campeonato Goiano, com três derrotas e apenas um empate diante do Iporá ainda na segunda rodada. Karmino é o primeiro técnico a deixar o cargo neste Goianão, já que Jorge Luiz foi readmitido no Rio Verde na semana passada.

Com a sequência de jogos apertada no estadual, o Anápolis agiu rápido e já anunciou o substituto de Colombini: Nivaldo Lancuna. Aos 63 anos, Lancuna é experiente e já passou por muitos times do interior de Goiás, como Anapolina, Rio Verde, Goianésia, CRAC e o próprio Anápolis, em 2014. Por não poder fazer grandes investimentos, a diretoria do Galo da Comarca decidiu investir no técnico que sempre tem seu nome ventilado nas equipes do interior no início da temporada.

Nivaldo Lancuna estava no Flamengo do Piauí e chega com a missão de tirar o Anápolis da zona de rebaixamento do Campeonato Goiano. Na quarta-feira (31), o Galo da Comarca já tem novo compromisso, desta vez contra o Atlético no Estádio Olímpico, às 19h30, em um jogo de “seis pontos” com o rubro-negro.