vilaponte

Foto: Divulgação/Vila Nova Futebol Clube

O Vila Nova bem que tentou, mas não conseguiu manter os 100% de aproveitamento neste domingo (13), pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro Série B. A Ponte Preta veio a Goiânia com a proposta de partir para cima do Colorado, e o Tigrão acabou não marcando gols na partida. O empate em 0 a 0 no Serra Dourada deixa os goianos na segunda posição da competição, ficando atrás do Fortaleza nos critérios de desempate. Da mesma forma, a Macaca ganha a posição do Dragão e sobe para a 10ª colocação.

O jogo

As duas equipes começaram buscando abrir o placar no Serra, mas era o Vila quem conseguia chegar com mais perigo. No entanto, a dupla Alan Mineiro e Elias não teve a mesma eficiência das partidas anteriores, a não ser uma bola no travessão do camisa 9 colorado, em cobrança de falta no ângulo, à esquerda de Ivan, que já estava batido no lance, aos 31 minutos da etapa inicial. A Macaca parecia ter a mesma eficiência das vitórias fora de casa contra Criciúma e Guarani, e ameaçava triunfar mais uma vez, só que na capital goiana.

No segundo tempo, a Ponte Preta voltou melhor, e praticamente anulou o ataque alvirubro. O técnico Hemerson Maria por pouco não foi expulso de campo por reclamação junto ao quarto árbitro. O treinador foi obrigado a substituir Mateus Anderson, que saiu de campo sentindo dores no joelho esquerdo, após dividida com Paulinho. Elias e Alan Mineiro também acabaram substituídos por Ramon e Juninho, respectivamente.

As mudanças, entretanto, não surtiram efeito, e Mateus Pasinato precisou fazer pelo menos duas grandes defesas que asseguraram a igualdade no Serra Dourada. Em determinado momento, os alvinegros tiveram três escanteios consecutivos, mas a defesa do Tigrão conseguiu conter a blitz dos paulistas. Ao todo, o árbitro distribuiu sete cartões amarelos, sendo 5 para os donos da casa.

Próxima rodada

Pela 6ª rodada, o agora vice-colocado Vila Nova vai a Barueri enfrentar o Oeste, no sábado (19) às 16h30. Já a Ponte Preta, no mesmo horário, recebe o Atlético em briga direta no meio da tabela. O Tigrão tem os mesmos 13 pontos do Fortaleza, mas perde no saldo de gols, mesma situação do 11º Dragão que tem os mesmos 10 pontos da Macaca.

Assista aos melhores momentos de Vila Nova x Ponte Preta com a narração de Ronair Mendes

Jogo: Vila Nova x Ponte Preta

Local e horário: Estádio Serra Dourada, Goiânia, 13/5/2018, às 16h.

Público

Pagantes: 12.997.

Presentes: 14.293.

Renda: R$ 194.865,00.

Arbitragem

Árbitro: Paulo Schleich Vollkopf  (MS)  

Assistente 1: Leandro dos Santos Ruberdo (MS)

Assistente 2: Daiane Caroline Muniz (MS - FIFA)

Cartões amarelos

Vila Nova: Gastón (0’45” ‘2T), Reis (8’2T)  Wesley Matos (16’2T), Mateus Anderson (22’2T) e Ramon (27’2T).

Ponte Preta: André Castro (29‘1T) e André Luís (33’1T).

Escalações

Vila Nova: Pasinato, Maguinho, Wesley Matos, Giaretta e Gastón; Geovane, Moacir e Alan Mineiro (Juninho); Mateus Anderson (Joãozinho), Elias (Ramon) e Reis. Técnico: Hemerson Maria.

Ponte Preta: Ivan, Igor Vinícius, Renan Fonseca, Reginaldo e Marciel; André Castro, Paulinho (Lucas Mineiro) e Tiago Real; André Luís (Júnior Santos), Felippe Cardoso e Danilo Barcelos (Roberto). Técnico: Doriva.

logo-sagres

Rua Monsenhor Celso, Quadra Área, Lote 2, s/n - Vila Santa, Aparecida de Goiânia - GO, 74912-590
Telefone: (62) 3216.0730

© Copyright 2006-2018 Sistema Sagres Cerrado de Comunicação