Foto: Reprodução/ Internet
ataquefinlandia
Um tribunal de Turku decretou nesta terça-feira (22) a prisão preventiva do marroquino de 18 anos que matou duas mulheres e feriu outras oito pessoas com uma faca na última sexta-feira (18), ato que é considerado o primeiro ataque terrorista já realizado na Finlândia. As informações são da agência EFE.

Identificado como Abderrahman Mechkah, o homem enfrenta duas acusações por homicídio e oito de tentativa de homícidio com motivações terroristas.

Meckhah participou por videoconferência de uma audiência judicial, já que continua internado em um hospital de Turku, onde se recupera do tiro recebido na coxa antes de ser preso.

O mesmo tribunal deve julgar outros quatro pedidos de prisão preventiva contra marroquinos presos após o ataque. A polícia da Finlândia considera que eles sejam cúmplices de Mechkah.

São dois jovens de 18 anos, um de 24 e outro de 28, que tinham relação com o autor do esfaqueamento. A polícia pediu que três deles sejam julgados pelos mesmos crimes de Mechkah.

Além disso, as autoridades da Finlândia fizeram um pedido de ordem internacional de prisão contra um sexto suspeito, também marroquino, que não mora no país.

Da Agência Brasil via Agência EFE

logo-sagres

Rua Monsenhor Celso, Quadra Área, Lote 2, s/n - Vila Santa, Aparecida de Goiânia - GO, 74912-590
Telefone: (62) 3216.0730

© Copyright 2006-2018 Sistema Sagres Cerrado de Comunicação