unicefsuprimentos

Suprimentos de saúde são suficientes para tratar 70 mil pessoas. (Unicef/SoP)

Dois caminhões do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, chegaram nesta quarta-feira à Faixa de Gaza, carregados de remédios, antibióticos, solução salina e seringas.

Os suprimentos de saúde são suficientes para tratar 70 mil pessoas. O Unicef calcula que mais de 1.000 crianças ficaram feridas pela violência em Gaza. Muitas precisaram sofrer amputações.

Condições críticas

A violência desta semana piorou as condições do sistema de saúde da área. Segundo a agência da ONU, faltam energia, combustível, remédios e equipamentos.

Os postos de saúde e hospitais estão superlotados, especialmente pelos feridos durante os protestos de segunda-feira. A situação de muitas pessoas é grave. O Unicef lamenta a intensificação da violência, que piorou a vida das crianças de Gaza, que já enfrentam dificuldades há muitos anos.

A agência lembra que as crianças precisam de proteção e não devem virar alvo da violência nem serem colocadas em situações de risco. Com as tensões aumentando por toda a Palestina, o Unicef pede a todos os lados para colocarem em prática medidas que mantenham os menores longe de qualquer perigo.

O Conselho de Direitos Humanos fará uma sessão especial sobre os territórios palestinos na sexta-feira.

logo-sagres

Rua Monsenhor Celso, Quadra Área, Lote 2, s/n - Vila Santa, Aparecida de Goiânia - GO, 74912-590
Telefone: (62) 3216.0730

© Copyright 2006-2018 Sistema Sagres Cerrado de Comunicação