Foto: Reprodução/ Internet
comurg
Neste ano, a prefeitura de Goiânia pretende multar feirantes que não acondicionar o lixo após as feiras, conforme determina a legislação. O município também pretende ser ressarcido quando fizer o trabalho.

O presidente da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg), Denes Pereira, ressalta que apesar de estar um pouco esquecida a lei está em vigor.

Denes relata que em 2017, a Comurg e a AMMA trabalharam para conscientizar os feirantes.

Após o trabalho de conscientização, o presidente da Comurg revela quais serão os próximos passos.

A lei 9.842 aprovada pela Câmara Municipal de Goiânia em 2016, e sancionada pelo ex-prefeito Paulo Garcia, determina que o feirante recolha e ensaque todo o lixo produzido por sua barraca. Em caso de descumprimento, a multa varia de R$ 170 a R$ 500.

De Gerliézer Paulo

logo-sagres

Rua Monsenhor Celso, Quadra Área, Lote 2, s/n - Vila Santa, Aparecida de Goiânia - GO, 74912-590
Telefone: (62) 3216.0730

© Copyright 2006-2018 Sistema Sagres Cerrado de Comunicação