Foto: Reprodução/ Internet
economies
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a inflação do ano de 2017, que ficou em 2,95% no País. Goiânia e Brasília foram as duas capitais que registraram os maiores índices 3,76%. O montante ficou abaixo da meta estabelecida pelo governo federal, que era de 4,5%, podendo variar entre 3 e 6%.

A equipe econômica do governo federal reivindica para ela a queda da inflação, mas o economista Aurélio Troncoso entende que o fenômeno foi ocasionado por outro fator, a recessão.

Outro item importante na economia brasileira é o valor do salário mínimo. Com o menor reajuste em 24 anos, Aurélio Troncoso avalia que o trabalhador vai precisar reprogramar os gastos.

Mesmo com a produção em alta e a inflação em baixa, Aurélio Troncoso entende que o governo não está colaborado para uma rápida retomada da economia no País e exemplifica.

Do repórter Gerliézer Paulo

logo-sagres

Rua Monsenhor Celso, Quadra Área, Lote 2, s/n - Vila Santa, Aparecida de Goiânia - GO, 74912-590
Telefone: (62) 3216.0730

© Copyright 2006-2018 Sistema Sagres Cerrado de Comunicação