contas tceBate Papo Econômico (Foto: Reprodução / Internet)

A Prefeitura de Goiânia prevê para o ano de 2018 um déficit primário de R$ 26 milhões em seu orçamento. A projeção é de investimento 40% menor na comparação com 2017. No programa Tom Maior desta terça-feira (3), o economista Claudio Henrique Oliveira, explicou sobre o assunto e fez uma avaliação da situação da capital.

“É uma expectativa oriunda do orçamento da chamado LDO, dos orçamentos dos municipios que foram aprovados pela Câmara. Mas não é Goiânia que está com essa situação, metada das capitais prevem déficit primario e com redução nos investimentos 2018 e são 18 capitais que tiveram quedas de investimento e 13 capitais que pediu autorização para que pdessem ter esse déficit primario”. 

logo-sagres

Rua Monsenhor Celso, Quadra Área, Lote 2, s/n - Vila Santa, Aparecida de Goiânia - GO, 74912-590
Telefone: (62) 3216.0730

© Copyright 2006-2018 Sistema Sagres Cerrado de Comunicação