Foto: Reprodução/ Internet
camaramunicipal
A Câmara de Vereadores de Goiânia aprovou, por 16 votos a 9, um projeto do vereador Alysson Lima (PRB) que determina o estabelecimento de limite para a realização de licitações para obras pela Prefeitura. O texto prevê que qualquer área da administração ficaria impedida de contratar novos trabalhos caso a gestão tenha atingido número de cinco obras paradas, que tenham sido iniciadas no mandato em exercício.

O autor do texto explicou porque apresentou o projeto e rebateu o apontamento da procuradoria da Casa, de que a matéria seria inconstitucional.

O vereador Alysson Lima negou que a base do prefeito, que agora tem como líder o vereador Tiãozinho Porto (PROS), vá conseguir barrar a aprovação do projeto em segunda votação.

Alysson Lima ainda analisou a escolha do prefeito Iris Rezende (MDB), acerca do líder da base na Câmara Municipal.

Do repórter Rubens Salomão