alissonlima

Alysson Lima (Foto: Portal 730)

O vereador por Goiânia, Alysson Lima (PRB), concedeu uma entrevista exclusiva à Rádio 730 nesta segunda-feira (12). Entre os temas destacados estão a cobrança do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), a elaboração do novo Plano Diretor da Capital e a indicação de Tiãozinho Porto (PROS) como líder do prefeito Iris Rezende (MDB) na Câmara.

Ao avaliar a escolha do novo líder do prefeito, Alysson Lima reiterou que é independente e disse ainda que se incomoda com o uso do termo ‘indefinido’.

Já nos primeiros dias como líder, Tiãozinho conseguiu adiar a votação do projeto de autoria de Alysson Lima em parceria com os vereadores Lucas Kitão (PSL) e Elias Vaz (PSB), que impede a prefeitura de cobrar a chamada “planta cheia” no cálculo do IPTU. O vereador Alysson Lima disse que o objetivo do projeto é tornar a cobrança do imposto mais justa.

Além disso, o vereador também não poupou críticas ao atual Plano Diretor de Goiânia que, segundo ele, é “folclórico”.

Acompanhe a entrevista completa:

logo-sagres

Rua Monsenhor Celso, Quadra Área, Lote 2, s/n - Vila Santa, Aparecida de Goiânia - GO, 74912-590
Telefone: (62) 3216.0730

© Copyright 2006-2018 Sistema Sagres Cerrado de Comunicação