Sagres A Caminho da Copa

Mosquito hemagogus, um dos responsáveis pela transmissão da febre amarela (Foto: Fiocruz/Divulgação)
hemagogus
Várias regiões do Brasil estão em estado de alerta devido aos índices de febre amarela. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, a situação em Goiás está controlada e não há motivo para pânico por parte da população.

O biomédico da coordenação de Zoonoses da Secretaria de Saúde do Estado de Goiás (SES-GO), Hélio Filho, concedeu entrevista exclusiva sobre o assunto nesta segunda-feira (29), na Rádio 730. O especialista tranquiliza a população e diz que o trabalho de prevenção contra a febre amarela em território goiano não é fato recente.

“A população de Goiás pode ficar tranquila. Há vários anos o estado de Goiás tem sido considerada uma zona endêmica, então, a cada ciclo de em torno de sete anos, sempre temos casos de febre amarela. Antes mesmo destes casos acontecerem, vem sendo já intensificada a vacinação de toda a população. Em Goiás a vacinação é muito boa, já próxima do 100%”, explica.

Ouça a entrevista a seguir, na íntegra