Caminhão só parou quando chegou à Esplanada dos Ministérios (Foto: Reprodução/Whatsapp)
bomb
Um agente dos Bombeiros entrou em um quartel da corporação de Ceilândia, no Distrito Federal, furtou um caminhão da unidade e saiu dirigindo em alta velocidade em direção ao Plano Piloto na madrugada deste domingo (03).

Segundo informações dos próprios Bombeiros, o militar teria como objetivo atingir jogar a viatura contra o Congresso Nacional. Após dirigir por cerca de 30 quilômetros o caminhão desgovernado, o veículo foi contido por policiais e só parou na Esplanada dos Ministérios.

Um vídeo feito de dentro de uma viatura policial mostra o momento em que os agentes atiram contra os pneus do caminhão de modo a fazê-lo parar. “Segundo os Bombeiros, ele vai jogar a viatura contra o Congresso Nacional”, ouve-se por meio do sistema de comunicação da polícia.

A viatura, um caminhão de água usado em combate a fogo, parou pouco depois da Catedral de Brasília, por volta de 1h50. Ele rodou na via S1, sentido Congresso. Após o motorista perder o controle da direção, o veículo rodou, quase tombou e ficou parado na contramão, ao lado do canteiro central.

De acordo com a Polícia Militar, o Bombeiro que dirigia o caminhão tem 44 anos e é lotado no 8º Grupamento de Bombeiro Militar. O Corpo de Bombeiros ainda não se pronunciou sobre o caso e nem a Polícia Civil, que enviou peritos ao local ainda na madrugada e abriu um inquérito.

A identidade do motorista não foi revelada e ainda não se sabe o que o levou a tomar tal atitude, nem qual era a intenção dele. O homem foi levado por policiais militares ao 1º Batalhão do Corpo de Bombeiros, sem ferimentos. Um bombeiro major, oficial de plantão na unidade, deu a voz de prisão. 

Marcas de tiros em um dos pneus do caminhão (Foto: Reprodução/Whatsapp))
bombd