Foto: Giuliane Alves
mpgo
Dos 274 postos de combustíveis de Goiânia, 119 foram fiscalizados em uma operação conjunta do Ministério Público de Goiás (MP-GO), Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Secretaria da Fazenda, Procon municipal e estadual.

De acordo com o promotor de Justiça e coordenador do Centro de Apoio Operacional do Consumidor, Rômulo Correa de Paula, a operação foi realizada entre os dias 29 de janeiro e 2 de fevereiro de 2018, e a fiscalização teve carácter qualitativo e quantitativo.

José Alício mesquita, superintendente do Procon Goiânia, conta que o órgão  autuou 12 lojas de conveniência  e  apreendeu vários produtos vencidos.

O gerente de fiscalização do Procon Goiás, Marcos Rosa, relata que a parte do órgão foi aferir se a quantidade de combustível que sai da bomba é equivalente ao que o consumidor está pagando.

As 173 amostras coletadas pela operação foram encaminhadas para o laboratório da Universidade Federal de Goiás (UFG). O resultado deve sair na próxima semana e, só então, os órgãos poderão as providências cabíveis para cada estabelecimento fiscalizado.

Da repórter Giuliane Alves

logo-sagres

Rua Monsenhor Celso, Quadra Área, Lote 2, s/n - Vila Santa, Aparecida de Goiânia - GO, 74912-590
Telefone: (62) 3216.0730

© Copyright 2006-2018 Sistema Sagres Cerrado de Comunicação